sexta-feira, 25 de março de 2011

O Mundo Alvinegro em 103 Anos.

Treinam jogadores devagar. Ensina-os os lances com bola parada, falta, posse e gol.
Narram os radialistas depressa: o gol já aconteceu, mas seu grito ainda prevalece.
Curam-se os corações dos torcedores, mas desde o seu nascimento, porque quanto mais
ele cresce, ainda mais espaço há aqui dentro para pertencer tanto, tanto a um time de futebol.

Somos humanos. Alvinegros. E mesmo em 103 anos estamos firmes.
Lá fora há espaço e o preto e branco dominam.
Eventualmente, alguns não reconhecem seu time, e nem mesmo seu centenário muda ou desenvolve novos
traços.

Mas sua vivacidade ,Galo, impressiona. À luz do dia trabalhamos com aquele instinto alvinegro.
E, de noite, à luz da lua, todas as outras acesas são pra celebrar a ti. Tornar real sonhos incríveis!
Ser solidário com quem não se cura e enlouquecer junto. Lembrar de gols memoráveis, de gestos, de arte.

Do empurrão, do recomeço, das possibilidades, do ir e vir, da dor e lástima que não desejamos a ninguém.

E do amor que gabamos ter de volta: e o temos. Há cento e três anos.

Parabéns Clube Atlético Mineiro.

2 comentários:

  1. Sensacional Araceli!
    Emocionante o texto!
    Agradeço ao meu pai por ter me educado a ser atelticano!

    ResponderExcluir